NOTÍCIAS

22/05/2017 - 11h31 Nem a chuva atrapalhou a defesa das Diretas Já neste domingo
Em todo o Brasil, cerca de 30 mil pessoas atenderam ao chamado das centrais sindicais e movimentos sociais e foram às ruas protestar contra o ilegítimo Temer, o desmonte das leis trabalhistas, o fim da aposentadoria e para exigir eleições gerais diretas. Diretas Já


(Foto: Thea Tavares / PT-PR | Veja as fotos da manifestação em Curitiba).

Apesar da chuva que caiu sobre o Paraná neste domingo (21), milhares de pessoas foram às ruas protestar contra o governo ilegítimo de Michel Temer, exigindo a saída dele da Presidência da República com base nas recentes denúncias comprovadas de corrupção ativa, contra as reformas golpistas que desmontam a CLT e acabam com o direito de aposentadoria dos trabalhadores e trabalhadoras brasileiros e, também, para defender que o povo é quem deve decidir democraticamente sobre o futuro do País, por meio de eleições diretas. Esse direito foi retirado da população com o golpe do impeachment da Presidenta Dilma Rousseff, legitimamente eleita.


(Foto: Roberto Parizzoti | CUT Brasil | Veja as fotos da manifestção na Paulista).

Em todo o País, perto de 30 mil pessoas protestaram neste domingo pelas eleições gerais diretas. A maior das manifestações aconteceu na Avenida Paulista, centro financeiro de São Paulo, e contou com a participação de mais de 20 mil pessoas. Na madrugada anterior aos atos, a atenção da sociedade também esteve voltada para a reunião do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), em Brasília, que aprovou o pedido do impeachment de Temer por crime de responsabilidade.

Paraná mobilizado

Em Curitiba, o Fora Temer | Diretas Já! reuniu em caminhada pelas ruas centrais da cidade cerca de 500 pessoas. Debaixo de uma chuva constante, militantes de diversas entidades sindicais, de movimentos sociais, partidos políticos e coletivos populares não se intimidaram e mantiveram o protesto que começou na praça Santos Andrade, nas escadaria do Prédio Histórico da Universidade Federal do Paraná, e saiu em caminhada até o acampamento dos servidores municipais de Curitiba, na praça Eufrásio Correa, em frente à Câmara de Vereadores.


(Foto: T.T/PT-PR).

Tramita na Câmara Municipal um pacotaço de medidas do prefeito Rafael Greca, que atacam direitos dos servidores municipais e prejudicam por consequência o atendimento à comunidade. São doze projetos no total, explicou a coordenadora de movimentos sociais do Sismuc - Sindicato dos Servidores Municipais de Curitiba, Casturina Berquó. A caminhada democrática de Curitiba pelas Diretas Já e Fora Temer foi justamente ao acampamento dos municipais para apoiar a luta e resistência da categoria contra o desmonte de direitos trabalhistas e a perseguição política na Capital do Paraná.


(Foto: TT/PT-PR).

O presidente eleito do PT-PR, Doutor Rosinha, disse que todos esses embates e frentes de resistência estão no bojo da luta de classes inerente ao sistema capitalista e são agravados hoje pelo crescimento do fascismo no mundo, pelo estado de exceção que vivemos e por medidas que potencializam a crise econômica mundial, transferindo todo o ônus para a conta dos trabalhadores e da população mais excluída e marginalizada e favorecendo os setores financeiros, empresariais e patronais por meio da concentração de renda.






(Fotos: TT/PT-PR)

Dr. Rosinha lembrou que durante a caminhada foi possível constatar a realidade da população de rua de Curitiba, cada vez mais agravada pelas medidas desumanas e excludentes dos governos federal, estadual e da administração municipal.
"Estamos nas ruas, defendendo a democracia, mas também para reforçar nessa luta de classes a defesa de uma sociedade mais justa, fraterna e igualitária. É necessário fazermos essa resistência. A defesa da justiça social é tarefa urgente e prioritária", completou o presidente eleito do PT-PR.


(Maringá-PR)

Em Maringá, cerca de 400 pessoas também ocuparam as ruas nos atos do Fora Temer, Diretas Já e em favor da visibilidade das pautas ligadas ao respeito à diversidade. Somaram-se nesse clamor popular os integrantes da 6ª Parada LGBT.
Também estavam programados atos neste domingo em Pato Branco (Sudoeste) e Cascavel (Oeste).


(Maringá-PR)


(Fotos de Maringá: Frente Brasil Popular).


(Cascavel-PR).


(Cascavel-PR).


Deputado estadual Professor Lemos, lider da bancada do PT na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) participou do ato em Cascavel-PR (Fotos de Cascavel: Assessoria Prof. Lemos).


Deputados Federais
Enio Verri
Zeca Dirceu
Deputados Estaduais
Pericles de Mello
Professor Lemos
Tadeu Veneri
 
 
 
Licença Creative Commons
Esta obra foi licenciado sob CC-Attribution 3.0 Brazil.
Exceto especificado em contrário e conteúdos replicados.
Alameda Princesa Izabel, 160, São Francisco, Curitiba. Cep. 80410-110.
Telefone: (41) 2103-1313. E-mail: imprensa@pt-pr.org.br